No momento não há turmas agendadas para este curso.
Deixe seu email para entrarmos em contato quando houver novas datas.
quero ser informado sobre futuras turmas
Duração Horário Professor (a)
16 horas 08h30min às 17h30min Ivanildo Macêdo

APRESENTAÇÃO

As organizações adotam códigos de conduta ética para que seus funcionários façam escolhas corretas, diante de questões morais. Entretanto, a realidade prova que, mesmo sabendo o que é o certo, há quem só faz o certo com medo do castigo. Há quem às vezes age corretamente e às vezes opta pelo errado e ainda encontramos pessoas agindo com integridade mesmo na ausência de regras. O que provoca comportamentos tão diferenciados? Por que pessoas conscientes das regras praticam comportamentos imorais, na vida pública ou privada, em qualquer profissão e em todas as camadas da sociedade?

Este curso ilumina essa questão com uma abordagem inovadora. A causa é a imaturidade do raciocínio moral. Não é suficiente saber o que é certo para fazer o certo, pois a pessoa pratica o conceito conforme o significado percebido. É o estágio do raciocínio moral que determina o entendimento do indivíduo sobre valores éticos e regras morais. Por isso, há seis significados para o valor justiça, há seis significados para lealdade e por aí segue.

A imaturidade do raciocínio moral de executivos e líderes influenciam negativamente decisões sobre escolhas estratégicas, distribuição de poder e recursos, definição de processos organizacionais, a natureza do processo de socialização de novos funcionários e o sistema de recompensas da Organização. Neste sentido, os projetos relacionados com responsabilidade social corporativa, sustentabilidade, governança corporativa e compliance são implantados de forma equivocada e até mesmo são transformados em zumbis corporativos, consumidores de muita energia, espalhando o medo na organização e apresentando poucos resultados.

Somente pessoas com o raciocínio moral amadurecido agem buscando o bem para a coletividade e são capazes de construir uma empresa cidadã, preocupada com a sustentabilidade organizacional e a qualidade de vida de empregados e dependentes. 


A QUEM SE DESTINA

Diretores, gerentes e líderes de equipes de organizações públicas e privadas.


RESULTADOS PARA OS PARTICIPANTES

  • Compreender o porquê de o ensino da ética não ser eficaz.
  • Conhecer o modelo de competência moral.
  • Analisar as questões de aprendizagem do ângulo do raciocínio e não do gap de conteúdo.
  • Identificar as causas do individualismo nas organizações.
  • Definir o que deve ser feito para elevar o estágio pessoal de amadurecimento do raciocínio moral.
  • Identificar a competência que diferencia um líder individualista de um líder orientado para o bem da coletividade – a organização, a sociedade.
  • Descrever ações para gerenciar a ambiência organizacional com o objetivo de assegurar que as pessoas escolham sempre a prática de regras éticas.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

  • Ética e moral nas organizações.
    • Ética filosófica e ética científica;
    • Problema ético, problema moral e código de conduta;
    • Moralidade, amoralidade, imoralidade, tentação moral e dilema ético.

 

  • O modelo de competência moral
    • A ambiência moral na sociedade e organizações brasileiras
      • O Patrimonialismo;
      • A moral da integridade e a moral do oportunismo
    • Habilidade Moral
      • Estágios de amadurecimento do raciocínio moral – A natureza da liderança;
      • Raciocínio moral imaturo determina o comportamento individualista e de curto prazo;
      • Raciocínio moral amadurecido permite comportamentos orientados para o bem da coletividade, sistêmicos e de longo prazo.
    • Atitude Moral
      • ​Poder do indivíduo x poder da ambiência moral.

 

  • A gestão da ambiência moral
    • A estratégia moral de gestão de pessoas;
    • Ações para que todos optem pela prática da ética.

 

  • Práticas morais da sociedade e do mercado e a maturidade do raciocínio moral da direção estratégica das organizações.
    • Implicações nas escolhas estratégicas, na distribuição de recurso e poder, na socialização e recompensas.
    • Estágios de desenvolvimento moral das organizações,

 

  • O que fazer para elevar o estágio de amadurecimento do raciocínio moral da pessoa.

REFERENCIAL TEÓRICO

A metodologia de Paulo Freire orienta a construção do conhecimento e a instrumentalização dos participantes, para que possam modificar o ambiente moral da organização.

As principais referências teóricas utilizadas são as seguintes: o modelo de competências de Philippe Zarifian; O modelo da mente humana - Id, ego e superego do Sigmund Freud; o imperativo categórico do Immanuel Kant; a teoria dos estágios de amadurecimento intelectual do Jean Piaget; O fato social de acordo com Émile Durkheim; Teoria dos estágios de amadurecimento do julgamento moral do Kohlberg; e A Consciência Moral e o Agir Comunicativo do Jurgen Habermas. 


METODOLOGIA

Exposições com recursos de multimídia como base para diálogos sobre casos reais, diagnósticos e exercícios individuais e em grupos.  

 


INVESTIMENTO , PRAZO E PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÕES

10% DE DESCONTO PARA ORGANIZAÇÕES JÁ CLIENTES DO IDEMP.

Cursos em horário integral: incluídos materiais didáticos, certificado, e coffee-breaks (manhã e tarde). Almoço livre, ou seja, por conta do participante (valor não incluído na taxa de inscrição - o IDEMP sugerirá restaurantes próximos ao local do treinamento).Descontos válidos para treinamentos agendados e realizados nos meses de março, abril, maio e junho para participantes da mesma Organização. 

Cursos em horário parcial: incluídos materiais didáticos, certificado e coffee-break (somente manhã).

Para efetuar a(s) inscrição(ões), acesse o formulário acima (botão INSCREVA-SE, acima). A forma de pagamento e informações administrativas complementares serão encaminhadas após o recebimento da(s) inscrição(ões), em documento no qual o IDEMP indicará o valor unitário por inscrição, destacando, quando for o caso, o desconto cliente acima especificado.

Se necessitar mais informações, fale conosco:

As inscrições deverão ser encaminhadas até o 8º dia que antecede a data de início do curso, preferencialmente. A confirmação do treinamento se dará no momento em que o número de inscrições viabilizar sua realização, ou, no máximo, até o 7º dia anterior ao seu início.

Após confirmada a realização, o IDEMP contactará os responsáveis pelas inscrições, formalizando a realização do treinamento. A responsabilidade de pagamento da inscrição somente se configurará após a confirmação do treinamento, por parte do IDEMP e a confirmação da presença do inscrito, por parte de sua instituição.

Para todos os efeitos, a responsabilidade do IDEMP pela realização do curso somente será estabelecida após a confirmação do curso, a qual se dará no momento em que o número de inscrições possibilite uma receita estimada que cubra os custos de realização do treinamento. 

Após a confirmação do curso, e mesmo antes que tal fato ocorra, é reservado ao IDEMP o direito de cancelar ou adiar sua realização, quando ocorrerem fatores externos que impeçam sua efetivação ou por comprovado impedimento do professor para o cumprimento da obrigação de ministrá-lo, sem que seja possível sua substituição por outro docente da equipe do IDEMP.


DADOS PARA A EMISSÃO DE DOCUMENTOS DE INSCRIÇÕES (Notas de Empenho, contrato e similares)

Para os cursos realizados na cidade do Rio de Janeiro

IDEMP - Instituto de Desenvolvimento Empresarial Ltda.
CNPJ: 00.278.452/0001-30; Inscrição Municipal: 01771434
Av. Nilo Peçanha, 50 - Grupo 1901 - Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20020-100
(21) 2524-4266 / (21) 2220-4104 - contato@idemp-edu.com.br

Banco: 001/Banco do Brasil - Agência: 1251-3 - C/C: 105.536-4
Banco: 341/Banco Itaú - Agência: 3032 - C/C: 97.570-2
Banco: 104/Caixa Econômica Federal – Ag: 0231 - C/C: 2171-8 operação: 003
Banco: 237/Bradesco - Ag.: 0468-5 - C/C: 199975-3
Banco: 033/Santander - Ag.: 3452 - C/C: 13003555-0

Para os cursos realizados em Brasília - DF e demais localidades do país
IDEMP - Instituto de Desenvolvimento Empresarial Ltda.
CNPJ: 00.278.452/0002-10; CF/DF: 07.494.213/002-61
Centro Empresarial Brasília - SRTVS - Qd. 701 - Conjunto D - Bloco A - Sala 306 | Asa Sul | Brasília - DF | CEP 70340-907
(61) 3224-6813 / (61) 3224-0680 - unidadebsb@idemp-edu.com.br
Banco: 070/BRB - Agência: 022 Agência Rio de Janeiro - C/C: 005039-2

Opcional: 
Banco: 001/Banco do Brasil - Agência: 1251-3 Assembléia/Rio - C/C: 105.536-4

Informação importante: A verificação de regularidade fiscal deverá ser feita pelo CNPJ: 00.278.452/0001-30, conforme estabelece a Receita Federal: "A certidão da PJ será emitida em nome da matriz, sendo válida para todos os seus estabelecimentos. A verificação fiscal abrangerá a matriz e todas as suas filiais", conforme estabelece a Receita Federal.


ColorBox demo